NESTA SEÇÃO VOCÊ ENCONTRARÁ RESPOSTAS PARA AS PERGUNTAS MAIS FREQUENTES DOS NOSSOS USUÁRIOS


GLUCERNA SR


Glucerna SR possui uma mistura de carboidratos que inclui carboidratos de baixo índice glicêmico e lenta digestão, para minimizar a resposta glicêmica após uma refeição.  Essa mistura de carboidratos inclui mix maltodextrina que, diferente da maltodextrina padrão, é lentamente digerida e reduz o pico glicêmico, semelhante ao que ocorre na digestão de fibras. Glucerna possui mais de 30 estudos clínicos, em mais de 3.000 pacientes, comprovando benefícios importantes para o tratamento do diabetes:

  • Contribui para redução do pico glicêmico
  • Aumento significativos dos níveis de GLP-1
  • Redução dos níveis de HbA1c (hemoglobina glicada)
  • Redução no uso de medicamentos para o controle do diabetes

Dependendo das necessidades nutricionais do paciente e estilo de vida, pode ser consumido entre as principais refeições como lanche, como um substituto de baixa caloria, substituição parcial antes ou durante o exercício ou como um suplemento para a dieta prescrita para o indivíduo que necessitam calorias adicionais e proteína. Glucerna® deve ser utilizado como parte de um plano alimentar do paciente com diabetes16. Converse com seu médico e/ou nutricionista para encontrar o melhor momento de uso de Glucerna SR.

Glucerna SR é um produto normocalórico, ou seja, possui 0,93 calorias para cada ml21. Engordar ou não dependerá da forma como o produto é utilizado e do restante da alimentação ao longo do dia. Quando consumido como parte das necessidades calóricas diárias e dentro de uma alimentação equilibrada, Glucerna® não engordará16. Converse com seu médico e/ou nutricionista para melhor uso do Glucerna®.

O índice glicêmico (IG) é um indicador da velocidade com que o açúcar presente em um alimento alcança a corrente sanguínea. Os alimentos são divididos em três categorias4-7:

  • baixo, quando o IG é menor ou igual a 55 ? Exemplo: Espaguete integral cozido apresenta 37 de IG
  • médio, quando o IG está entre 56 a 69 ? Exemplo: Nhoque apresenta 68 de IG
  • alto, quando o IG é maior ou igual a 70 ? Exemplo: Batata frita apresenta 75 de IG

Glycaemic Index Research Results for Abbott Laboratories. Sydnei University Glycaemic Research Service (SURiRS)

Os alimentos com baixo IG não elevam muito o açúcar no sangue. Também aumentam a saciedade, melhorando o controle de peso e proporcionando uma alimentação mais saudável.

Além disso, previnem e tratam doenças como obesidade, diabetes, alguns cânceres, entre outros4-7.
 
Devido a suas características nutricionais, particularmente no que se refere à composição de carboidratos, Glucerna SR apresenta um IG baixo, igual a 19.

A intolerância a lactose é a incapacidade de digerir a lactose, um tipo de açúcar encontrado no leite e seus derivados. Glucerna SR líquido e Glucerna 1.5 Kcal não possuem lactose, portanto, podem ser utilizados por pessoas com intolerância à lactose. Glucerna SR pó contém lactose.23.

O glúten é uma proteína encontrada naturalmente em muitos cereais (trigo, aveia, cevada, malte, centeio) 3. Glucerna SR não possui glúten.

Diabetes Tipo 1: Nesse tipo de diabetes, o pâncreas deixa de produzir o hormônio responsável por metabolizar a glicose. Como resultado, a glicose fica no sangue, em vez de ser usada como energia. O tipo 1 aparece geralmente na infância ou adolescência. Seu tratamento inclui uso de medicamentos, planejamento alimentar e atividade física22.
 
Diabetes Tipo 2: O diabetes tipo 2 ocorre quando o organismo não consegue usar adequadamente o hormônio que produz e que é responsável por metabolizar a glicose; ou não produz hormônio suficiente para controlar a glicemia. Manifesta-se geralmente em adultos. Dependendo do caso, pode ser controlado com planejamento alimentar e atividade física. Em outros casos, exige o uso de medicamentos22.

Glicemia em jejum: é o seu nível de glicose sanguínea após pelo menos 8 horas sem comer.
Glicemia pós-prandial: é o seu nível de glicose sanguínea após uma refeição.
Hemoglobina glicada (A1c): é uma medição que indica seu nível médio de glicemia ao longo de 3 meses anteriores22.

Sim. A composição nutricional de Glucerna SR contempla nutrientes que contribuem para a redução dos picos de glicose no sangue2, como por exemplo, um carboidrato com absorção mais lenta1. Converse com seu médico e/ou nutricionista sobre qualquer alteração na sua dieta.

REFERÊNCIAS GLUCERNA SR

1. Jenkins DJ, Taylor RH, Wolever TM. The diabetic diet, dietary carbohydrate and differences in digestibility. Diabetologia. 1982;23:477-484. 2. Stenvers DJ, Schouten LJ, Jurgens J, Endert E, Kalsbeek A, Fliers E, et al. Breakfast replacement with a low-glycemic response liquid formula in patients with type 2 diabetes: a randomised clinical trial. Br J Nutr. 2014;112(4):504-12. 3. Waitzberg DL. Nutrição oral, enteral e parenteral na prática clínica, 2009. Ed.4. Atheneu. 4. Aziz A, Dumais L, Barber J. Health Canada’s evaluation of the use of glycemic index claims on food labels. Am J Clin Nutr. 2013;98(2):269-74. 5. Kristo AS, Matthan NR, Lichtenstein AH. Effect of diets differing in glycemic index and glycemic load on cardiovascular risk factors: review of randomized controlled-feeding trials. Nutrients. 2013;5(4):1071-80. 6. Raheli? D, Jenkins A, Bozikov V, Pavi? E, Juri? K, Fairgrieve C, Romi? D, Koki? S, Vuksan V. Glycemic index in diabetes. Coll Antropol. 2011;35(4):1363-8. 7. Brand-Miller J, Buyken AE. The glycemic index issue. Curr Opin Lipidol. 2012;23(1):62-7. 8. Diretrizes da Sociedade Brasileira de Diabetes: 2014-2015/Sociedade Brasileira de Diabetes ; [organizacao Jose Egidio Paulo de Oliveira, Sergio Vencio]. – Sao Paulo: AC Farmaceutica, 2015. 9. Resolução-RDC nº 269, de 22 de Setembro de 2005.

GLUCERNA FIT


O Glucerna FIT é um produto que auxilia no processo de perda de peso. Oferece nutrientes que dão energia e são essenciais para o corpo, como vitaminas, zinco e antioxidantes necessários para apoiar sistema imune e fibras para saúde intestinal.

O Glucerna FIT é um produto para pessoas que estão no processo de perda de peso.

Glucerna FIT não possui sacarose em sua composição.

Maltodextrina Modificada, Proteína do Leite Concentrada (70%), Proteína do Isolada da Soja (17%), Caseinato de Cálcio (15%)

Glucerna FIT não contém glúten, por isso é indicado para celíacos.

O Glucerna SR é um produto para pessoas que precisam controlar o açúcar no sangue (Diabéticos). Já o Glucerna FIT, é um produto especializado para quem está no processo de perda de peso.

É recomendado 2 unidades por dia para perda de peso e 1 unidade por dia para manutenção.

REFERÊNCIAS GLUCERNA FIT

1. Xavier Pi-Sunyer, George Blackburn. et.al.  Reduction in Weight and Cardiovascular Disease Risk Factors in Individuals With Type 2 Diabetes. One-year results of the Look AHEAD trial. Diabetes Care 2007 Jun; 30(6): 1374-1383 2. Wadden, T; West, D; et.al. One-Year Weight Losses in the Look AHEAD Study: Factors Associated with Success. Obesity (Silver Spring). 2009;17(4):713–722. 3. Wing, R; Espeland. M. Association of Weight Loss Maintenance and Weight Regain on 4-Year Changes in CVD Risk Factors: the Action for Health in Diabetes (Look AHEAD) Clinical Trial. Diabetes Care 2016;39(8):1345-55. 4. Veldhorst, M; Smeets, A; et.al. Protein-induced satiety: effects and mechanisms of different proteins. Physiology & Behavior. 2008. 94: 300-7. 5. Westerterp- Plantenga, M. The significance of protein in food intake and body weight regulation. Curr Opin Clin Nutr Metab Care  (2003), 6, 635-638. 6. Fromentin, G; Darcel. N; et.al. Peripheral and central mechanisms involved in the control of food intake by dietary amino acids and proteins. Nutrition Research Reviews (2012), 25, 29-39. 7. Leidy, H; Hoertel, H; et.al. A high-protein breakfast prevents body fat gain, through reductions in daily intake and hunger, in "Breakfast skipping" adolescents. Obesity (2015) 23, 1761–1764. 8. Acheson, K; Blondel-Lubrano, A; et.al. Protein choices targeting thermogenesis and metabolism. Am J Clin Nutr. 2011 Mar;93(3):525-34. 9. Pasiakos, S; Cao, J. et.al. Effects of high‐protein diets on fat‐free mass and muscle protein synthesis following weight loss: a randomized controlled trial.  2013,FASEB J. 27, 3837–3847. 10. Acheson, K; Blondel-Lubrano, A; et.al. Protein choices targeting thermogenesis and metabolism. Am J Clin Nutr. 2011 Mar;93(3):525-34. 11. Pasiakos, S; Cao, J. et.al. Effects of high‐protein diets on fat‐free mass and muscle protein synthesis following weight loss: a randomized controlled trial.  2013,FASEB J. 27, 3837–3847. 12. LIU H, ZHANG M, MA Q, et al. Health beneficial effects of resistant starch on diabetes and obesity via regulation of gut microbiota: a review. Food Funct. 2020;11(7):5749-5767. 13. Position of the Academy of Nutrition and Dietetics: Interventions for the Treatment of Overweight and Obesity in Adults. J Acad Nutr Diet. 2016;116:129-147. 14. Jensen, M; Ryan, D; et.al.2013 AHA/ACC/TOS Guideline for the Management of Overweight and Obesity in Adults A Report of the American College of Cardiology/American Heart Association Task Force on Practice Guidelines and The Obesity Society.  2014. 129(25)_suppl_2: S102-S138. 15. Dehghan, P; Gargari, B.P. et.al. Oligofructose-enriched inulin improves some inflammatory markers and metabolic endotoxemia in women with type 2 diabetes mellitus: a randomized controlled clinical trial. Nutrition. 2014 (30):418-423. 16. DELZENNE NM, CANI PD, NEYRINCK AM. Modulation of glucagon-like peptide 1 and energy metabolism by inulin and oligofructose: experimental data. J Nutr. 2007;137(11 Suppl):2547S-2551S. 17. LEULIER F, MACNEIL LT, LEE WJ, et al. Integrative Physiology: At the Crossroads of Nutrition, Microbiota,