CARBOIDRATO DE LENTA ABSORÇÃO

Os macronutrientes que compõem os produtos GLUCERNA® – carboidratos, gorduras e proteínas – são combinados em proporções e tipos específicos que beneficiam pessoas com metabolismo anormal à glicose. Todos os produtos GLUCERNA® contêm carboidratos em quantidade reduzida e utilizam carboidratos estrategicamente escolhidos e combinados, para diminuir o aumento pós-prandial da glicemia. O controle dos níveis pós-prandiais de glicose é uma estratégia fundamental para ajudar a evitar ou adiar complicações microvasculares do diabetes, que podem resultar no comprometimento da função renal, neurológica e retiniana. Formulado com uma mistura exclusiva de gorduras que favorece a inclusão de ácidos graxos monoinsaturados (MUFAs) em relação a ácidos graxos saturados (SFAs) e ácidos graxos poli-insaturados (PUFAs), os produtos GLUCERNA® ajudam a melhorar os níveis de lipídeos plasmáticos, consequentemente prevenindo ou adiando complicações cardiovasculares em pessoas com diabetes.

Carboidratos da Dieta

Dos três tipos de macronutrientes, os carboidratos apresentam o efeito mais notável na resposta glicêmica pós-prandial. A quantidade e o tipo de carboidratos presentes na dieta devem ser individualizados, de acordo com a tolerância à glicose e o uso de medicações para diabetes de cada paciente. Em comparação com carboidratos de produtos nutricionais padrão, as formulações de carboidratos dos produtos GLUCERNA® oferecem uma vantagem específica para pessoas com metabolismo anormal de glicose –um aumento mais lento da glicose pós-prandial. A baixa resposta se deve em parte ao menor conteúdo de carboidratos, mas também é atribuída às propriedades digestórias / metabólicas específicas dos carboidratos componentes. Cada produto da linha GLUCERNA® contém alguns ou todos os ingredientes a seguir:  mix de maltodextrina que contém maltodextrina modificada, frutose, maltitol, fibra de soja e fruto-oligossacarídeos (FOS).

Maltodextrina Modificada

A maltodextrina modificada possui ligações glicosídicas mais resistentes à enzima digestória amilase, do que as ligações glicosídicas da maltodextrina comum (Figura 1). Como a maltodextrina modificada é digerida lentamente, uma parte desta, segue para o cólon, onde é fermentada a ácidos graxos de cadeia curta, de modo similar à digestão de outras fibras solúveis. Essa absorção mais lenta confere um menor índice glicêmico ao produto.

Figura 1 - A maltodextrina modificada, presente em GLUCERNA® torna sua digestão mais lenta, reduzindo assim a resposta glicêmica

 

Índice Glicêmico

Pesquisas em nutrição demonstraram que os consumos de tipos diferentes de carboidrato resultam em diferentes efeitos na glicose sanguínea. O índice glicêmico foi desenvolvido para classificar porções equivalentes de carboidratos de diferentes fontes alimentares com base em seus efeitos sobre o nível de glicose pós-prandial.

Com base neste conceito, o produto Glucerna SR teve sua composição avaliada e, portanto, seu índice glicêmico é 19, valor este considerado baixo índice glicêmico*

*Glycaemic Index Research Results for Abbott Laboratories. Sydnei University Glycaemic Research Service (SURiRS)




  1. Jenkins DJ; Taylor RH; Wolever TM. The diabetic diet, dietary carbohydrate and differences in digestibility. Diabetologia. 1982;23:477-484.
  2. Fix BM; Lowe W; Cockram LD. Effect of a liquid nutritional supplement containing a novel carbohydrate system on glucose tolerance in subjects with type 2 diabetes. Seventeenth International Congress of Nutrition2001.
  3. Lou M; Voss A; Mustad M; et al. Four hour evaluation of a medical food in subjects with type 2 diabetes receiving oral medication. Journal of Diabetes Mellitus. 2011;2(2).
  4. Sydney University Glycaemic Index Research Service (SUGiRS). Glycaemic index research results Data on file. Abbott Nutriton. 2002.
  5. Mechanick J, Marchetti A, Apovian C. Diabetes-Specific Nutrition Algorithm: A Transcultural Program to Optimize Diabetes and Prediabetes Care. Curr Diab Rep. 2012;12(2):180-194.
  6. Look AHEAD Research Group. Reduction in weight and cardiovascular disease risk factors in individuals with type 2 diabetes: one-year results of the Look AHEAD Trial. . Diab Care. 2007;30.
  7. The Look AHEAD research group. Eight-Year Weight Losses with an Intensive Lifestyle Intervention: The Look AHEAD Study. Obesity. 2014;22.
  8. The Look AHEAD research group. Long-term Effects of a Lifestyle Intervention on Weight and Cardiovascular Risk Factors in Individuals With Type 2 Diabetes Mellitus: Four-Year Results of the Look AHEAD Trial. Arch Intern Med. 2010;170(17).
  9. The Look AHEAD Research Group; Pi-Sunyer X; Blackburn G; Brancati FL; et al. The Look AHEAD Study: A description of the lifestyle intervention and the evidence supporting it. Obesity. 2006;14(5):737-752.
  10. Sun J; Wang Y; Chen X; et al. An integrated intervention program to control diabetes in overweight Chinese women and men with type 2 diabetes. Asia Pac J Clin Nutr. 2008;17(3):514-524.
  11. Tatti P; Di Mauro P; Pipicelli M; et al. Effects of a low calorie high nutritional value formula on weight loss in type 2 diabetes mellitus. Mediterr J Nutr Metab. 2010;3:65-69.
  12. Garvey TW; et al. A diabetes management program using diabetes-specific meal replacements and snack bars improves weight loss, metabolic parameters and quality of life (QOL). Diabetes. 2006;55(Suppl 1):A596.

GLUCERNA VOCÊ NO CONTROLE DO DIABETES*1,2

Últimas Notícias

blog-thumbnail-01

Quer comprar glucerna com desconto?

Você ainda não experimentou Glucerna? Que tal fazer a primeira compra com desconto por meio do programa de suporte ao paciente a:care?

Mude seus hábitos e melhore sua alimentação385x300

Assuma o controle: mude seus hábitos e melhore sua alimentação

Cansado dos mesmos alimentos? Aqui, mostramos novas opções de alimentos que ajudarão você a melhorar seus níveis de açúcar no sangue.

02 - Riscos com o Sobrepeso385x300

Riscos com o sobrepeso

Estar acima do peso aumenta o risco de diabetes tipo 2, doenças cardíacas e derrames. Controlá-lo ajudará a evitar esses problemas.