SINTOMAS DO ALERTA1

Você conhece os sintomas mais comuns do diabetes? O diagnóstico precoce é muito importante.


O diabetes apresenta vários sintomas que podem servir como indicadores para detectá-lo, porém é sempre necessário receber o diagnóstico de um médico especialista. Aqui listamos alguns dos sintomas mais comuns, não se esqueça de consultar um médico para ter certeza:

- Urinar com frequência
- Sede excessiva
- Aumento da fome
- Perda de peso
- Fadiga
- Perda de concetração e de interesse
- Formigamento ou dormência nas mãos ou nos pés
- Visão turva
- Infecções frequentes
- Cicatrização lenta
- Vômitos e dor de estômago 

Se você notar esses sinais e sintomas, consulte um profissional de saúde para supervisão adicional, monitoramento e tratamento adequado.

 

Problemas de visão2

O olho é uma esfera coberta por uma membrana externa dura. A tampa frontal é clara e curva. Esta parte curva é a córnea, que concentra a luz enquanto protege o olho.



Inicialmente, a luz atravessa a córnea e chega a íris, onde a pupila controla a intensidade de luz a ser recebida pelo olho. Quanto maior a abertura da pupila, maior é a quantidade de luz que entra nos olhos.

A imagem chega então ao cristalino, uma estrutura flexível que acomoda e focaliza a imagem na retina.

Na retina existem diversas células fotorreceptoras que através de uma reação química transformam as ondas luminosas em impulsos elétricos. A partir daí, o nervo ótico os conduzem até o cérebro, onde ocorre a interpretação da imagem.

Cabe ressaltar que no cristalino a imagem sofre refração, logo, forma-se uma imagem invertida na retina. É no cérebro que ocorre o correto posicionamento.

A retina registra as imagens que estão focadas nela e as converte em sinais elétricos, o nervo óptico as transmite ao cérebro, que as recebe e decodifica.

Uma parte da retina é especializada em ver detalhes. Esta pequena parte para uma visão muito detalhada é chamada de mácula. Os vasos sanguíneos na retina e atrás dela fornecem a mácula.

Glaucoma

Glaucoma é uma doença ocular causada principalmente pela elevação da pressão intraocular que provoca lesões no nervo ótico e, como consequência, comprometimento visual. Se não for tratado adequadamente, pode levar à cegueira. 

A pressão causa estreitamento nos vasos sanguíneos que transportam o sangue para a retina e o nervo óptico. A visão é gradualmente perdida porque a retina e o nervo estão danificados.

Pessoas com diabetes são 40% mais propensas a ter glaucoma do que pessoas sem diabetes. Quanto mais tempo uma pessoa tem diabetes, mais comum é o glaucoma.

O risco também aumenta com a idade. Existem vários tratamentos, tais como medicamentos para reduzir a pressão no olho, enquanto outros requerem cirurgia.

Cataratas

Uma das principais características é que o olho fica nublado, bloqueando a luz.

Muitas pessoas sem diabetes têm cataratas, mas essa condição ocular é 60% mais comum entre pessoas com diabetes. Além disso, as cataratas tendem a afetar pessoas com diabetes em uma idade mais jovem e progridem mais rapidamente.

Em um caso leve de cataratas, você pode precisar usar óculos escuros com mais frequência e usar óculos com lentes anti-reflexo.

Retinopatia

A retinopatia diabética é um termo geral para todas as doenças da retina causadas pela diabetes. 

1. Newton CA, Raskin D. Diabetes Ketoacidosis in type 1 and type 2 diabetes mellitus : clinical and biochemical differences. Arch.Intern.meal.2004; 164(17): 1925-31. 2. Haffner SM, Laakso M, et al. Mortality from coronary heart disease in subjects with type 2 diabetes and in nondiabetes subjects with and without prior myorardial infarction. N. Engl. J. Med 1998 fiel 23;339 (4); 229-34

 

GLUCERNA VOCÊ NO CONTROLE DO DIABETES*1,2

Últimas Notícias

Mude seus hábitos e melhore sua alimentação385x300

Assuma o controle: mude seus hábitos e melhore sua alimentação

Cansado dos mesmos alimentos? Aqui, mostramos novas opções de alimentos que ajudarão você a melhorar seus níveis de açúcar no sangue.

02 - Riscos com o Sobrepeso385x300

Riscos com o sobrepeso

Estar acima do peso aumenta o risco de diabetes tipo 2, doenças cardíacas e derrames. Controlá-lo ajudará a evitar esses problemas.

03 - Uma vida ativa385x300

Uma vida ativa

Você já tentou se exercitar, mas não consegue criar um hábito? Você pode revisar essas dicas. Os benefícios valem a pena.